Minha vida e teu sorriso.

Problemas, problemas, problemas… tenho que fazer uma prova sem consulta de biologia na sexta feira, sobre assuntos que desconheço em uma sala na qual todos me odeiam. Minha mãe não pára de reclamar sobre o tempo que passo escrevendo na frente de um computador, ao invés de estudar. Meus amigos vão passar de ano, enquanto eu, com muita sorte, poderei continuar na escola sem ser expulsa. As músicas que tocam no rádio me enjoam. A comida neste lugar me enoja. As pessoas me fazem pensar em… oh, tu chegastes. Vejam, pessoas fúteis, aquele sorriso. Vejam quanto brilho possui aquele rosto encantado! Vejam, por que ninguém vê? Quero que todos vejam o meu amado, o lindo sorriso do meu amado. Ou melhor, que ninguém veja! Que seja só pra mim aquele raio de clarão chegando cada vez mais perto. Que sejam só meus aqueles lábios de pétalas; que aquele riso seja sempre meu riso. Estás te indo? Não te vás! Deixa-me olhar mais teu sorriso… deixa-me ver a beleza do mundo por mais alguns segundos… deixa-me… não me deixe! E se foi… voltam os problemas! Oh, como havia me esquecido deles? Simples… esqueço de tudo toda vez que estás perto. Só me lembro do teu sorriso, ah, como eu amo te ver sorrir…
Anúncios

Deixe um comentário :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s