A um ausente

É pessoal… aí vem um post triste-feliz; triste pois quem vos escreve acaba de perder um amigo para a distância, feliz pois lá está seu verdadeiro destino (e porque ele acabou de passar na USP, meu!)! Mas é claro, para mim, esse é um post totalmente de saudade. Saudade dos pequenos momentos, das simples conversas de assuntos quaisquer, de apoio nas horas de problemas, até das vezes que eu estava estressada e acabava brigando com ele, hehe.


O título é bem sugestivo, “A um ausente”, título de uma obra de Carlos Drummond, que mais abaixo pode ser citada. Esse meu ausente não era qualquer um, era o amigo… uma das pessoas mais especiais que aqui encontrei… nada menos do que dedicar esse texto a ele (já que é uma das únicas pessoas que lê meus posts hehe): Ricardo.

Nos conhecemos em 2006!.. e tão diferentes éramos, não só fisicamente, mas com idéias diferentes, amizades diferentes. Naquela época, eu jamais imaginaria o que ele significaria para mim. Éramos ainda crianças, ele ainda tinha aquela carinha gordinha e falava “vagabundex”. Eu também não era muito melhor do que ele, e talvez por isso nossa amizade não foi a primeira vista. Mas aconteceu, e sempre agradeço por ter um grande amigo como ele na minha vida!

Sim, Ricardo, eu coloquei sua foto que você tanto odeia aqui (se você ainda não viu, está aqui embaixo), e não estou nem aí, hehe. Espero que não se importe, até porque você deve estar em uma felicidade tremenda ao saber que passou no lugar que sempre sonhou, né? Tão feliz que nem deve estar dando muita bola pro meu post. Mas não tem problema. Posso tê-lo feito no dia certo, ou no dia errado, só sei que hoje ao poder sorrir e ter orgulho do grande amigo que tenho, decidi fazê-lo (o post).

Não sou de prestar homenagens, mas você sabe que merece! E que terá sempre um espaço reservado no coração dessa pessoa que tem muito orgulho de tê-lo na vida! Espero que não me esqueça e que continue sempre do jeito que és, pois foi assim que conquistou a todos em Natal, assim que conquistou o seu sonho e assim que continuará conquistando tudo que quiser!

Mil beijos,
da sua grande amiga, Alana.

“Tenho razão para sentir saudade de ti,
de nossa convivência em falas camaradas,
simples apertar de mãos, nem isso, voz
modulando sílabas conhecidas e banais
que eram sempre certeza e segurança.
Sim, tenho saudades.”

Anúncios

3 pensamentos sobre “A um ausente

  1. Obrigado por toda a consideração e carinho Alana, saiba que eu nunca vou esquecer de você e vou te visitar sempre que puder ^^A distância não vai intereferir na nossa amizade! Beijos.P.S.: não estou muito preocupado com aquela foto. Como você disse, poucas pessoas visitam nossos blog, então ainda não é uma ameaça a minha reputação… xD

Deixe um comentário :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s